WiFi sem senha, mas com segurança

Wifi sem Senha

Disponibilizar internet WiFI para clientes é uma prática comumente adotada por empresas e estabelecimentos. Afinal, um dos maiores objetivos desses locais é promover um ambiente agradável e convidativo para os frequentadores.

Embora essa rede fornecida ao público seja protegida por um Hotspot Social ou por uma senha de acesso, existem outros pontos para se prestar atenção, caso você se preocupe em manter a segurança da sua rede e do seu negócio.

De acordo com o Marco Civil da Internet (Lei 12.965/14),  é de responsabilidade dos estabelecimentos que oferecem WiFi para clientes a garantia da segurança e da privacidade da navegação. Também é necessário que esses lugares tenham meios para auxiliar a justiça na identificação do usuário, caso algum crime virtual seja cometido dentro da rede. Caso contrário, o estabelecimento pode ser criminalmente responsabilizado pelos malefícios desses acessos.

Sancionado em abril de 2014, o Marco Civil determina as diretrizes de atuação do Governo Federal, dos Estados e Municípios com relação internet em todo território nacional. Para ficar mais claro, trazemos abaixo algumas das principais diretrizes da lei:

  • Sigilo e Neutralidade da Internet

Ao ambiente que provê o acesso à internet, é vedada a possibilidade de violar o sigilo da navegação do usuário, a intimidade, a honra, a privacidade, o bloqueio, o filtro, o monitoramento e a análise dos pacotes de dados, trafegados na rede por  meio de dispositivos e terminais conectados a ela. (Cap. III, seção I § 3o, seção II, Art. 10).

  • Acesso aos Registros

Os dados e informações só deverão ser utilizados ou acessados mediante a solicitação judicial, conforme descritos na seção II, § 1o, § 2o, § § 3o, subseção I, § 5o.

  • Período da Guarda e Registros da Conexão

Com relação ao período de armazenamento dos registros de acesso, a lei determina que o prazo seja de 1 (um) ano (subseção 1, Art. 13). Porém, esse prazo pode ser estendido por um prazo maior, mediante solicitação da autoridade policial ou Ministério Público (subseção 1, Art. 13, § 3o).

Nesses registros de conexões, são guardados dados como data e hora de início e término da conexão à internet, duração da conexão e o endereço IP utilizado pelo dispositivo que realizou o acesso (Cap. I, VI).

  • Responsabilidades por Danos Gerados por Acessos Indevidos de Terceiros

O responsável por prover a conexão com a internet não será responsabilizado caso atenda aos requisitos determinados pelo Marco Civil da Internet. Porém, essa isenção de culpa só será aplicada se os administradores da rede disponibilizarem informações do acesso técnico, dentro do prazo assinalado pela justiça (seção III, Art. 18 e 19).

WiFire e a Segurança na Sua Rede de Clientes

O Hotspot Social WiFire é uma ferramenta criada para fortalecer o relacionamento dos proprietários de estabelecimentos comercias com os seus clientes. Para isso, a solução dispõe de recursos como mecanismos para Pesquisas de Satisfação NPS (Net Promoter Score) e criação de campanhas de promoção personalizadas.

Entretanto, além disso, o WiFire é também adequado aos critérios do Marco Civil da Internet, dando para empresas que oferecem WiFi para clientes o respaldo e a proteção que a lei exige. Para isso, todos os registros de conexão de cada dispositivo na rede WiFire são salvos em servidores seguros, no serviço em nuvem. Isso garante a disponibilidade da informação em qualquer momento que for solicitado.

revista negócio digital

Faça seu comentário